Jan 19, 2024

Setor Financeiro: o que faz, cargos, funções e salários

Setor Financeiro: o que faz, cargos, funções e salários

No complexo universo do setor financeiro, onde números ganham vida e decisões estratégicas moldam o curso das empresas, há por trás uma rede de profissionais desempenhando papéis fundamentais. Desde um simples pagamento até a gestão inteligente de recursos, o departamento financeiro é o epicentro das operações empresariais. 

Neste texto, vamos explorar um pouco mais sobre esse universo dos números, explicar alguns cargos essenciais e suas funções relativas, e oferecer valiosas dicas para aqueles que buscam crescer na carreira financeira.

Boa leitura! 

O que é o setor financeiro?

O departamento financeiro é dedicado à gestão de recursos monetários, análise de dados financeiros, e tomada de decisões estratégicas. Sua importância se estende desde a previsão de fluxo de caixa até o acompanhamento de investimentos e a garantia do cumprimento das obrigações fiscais.

As principais atividades relacionadas ao departamento financeiro

Essas atividades formam a base do setor, evidenciando a sua importância para o desempenho da empresa. A execução eficaz dessas atividades contribui não apenas para a saúde financeira da organização, mas também para a sua capacidade de inovação e crescimento sustentável.

  • Planejamento Financeiro: Ele desempenha um papel fundamental no desenvolvimento de planos financeiros estratégicos. Isso pode incluir orçamentos anuais, projeções financeiras, análise de viabilidade de projetos e outras atividades que visam garantir o uso eficiente dos recursos financeiros.
  • Controle Interno e Auditoria: Implementa controles internos para garantir a conformidade com regulamentações, políticas internas e práticas contábeis. Também pode coordenar auditorias internas ou externas para garantir a integridade dos registros financeiros.
  • Gestão de Fluxo de Caixa: Sua atividade é monitorar o fluxo de caixa da empresa para garantir que haja fundos suficientes para cobrir as despesas operacionais, investimentos e outras obrigações financeiras. A gestão eficaz do caixa ajuda a evitar problemas de liquidez, por exemplo. 
  • Apuração da Movimentação: Registro e análise detalhada de todas as transações financeiras, categorização e lançamento contábil preciso.
  • Pagamento de Fornecedores: Coordenar o pagamento de contas e faturas, negociar prazos e condições com fornecedores, assegurando relações comerciais saudáveis.
  • Controle de Estoque: Acompanhamento e registro preciso dos níveis de estoque, reconciliação de inventários e otimização dos custos relacionados.
  • Tesouraria: Gerencia atividades relacionadas à gestão de ativos e passivos financeiros, como investimentos de curto prazo, gestão de crédito, gestão de recebíveis e pagamento de contas.
  • Disponibilização de Verba: Alocação e liberação de recursos financeiros conforme as necessidades e prioridades da empresa, em conformidade com o planejamento financeiro.
  • Reembolso de Despesas: Processamento eficiente de reembolsos de despesas dos colaboradores, verificação de conformidade com políticas internas e legislação.
  • Acompanhamento de Indicadores: Monitoramento constante de indicadores financeiros, elaboração de relatórios gerenciais, e análise de métricas para suportar a tomada de decisões estratégicas.

Quais são os cargos e funções do financeiro?

São diversas as funções de quem trabalha no setor financeiro, indo desde atividades mais simples até as mais complexas. Entenda alguns dos papéis desempenhados neste departamento.

Assistente Financeiro

O assistente financeiro é o profissional responsável por auxiliar e monitorar as rotinas financeiras da empresa. Normalmente, são atividades de baixa complexidade relativas aos registros das transações. 

Ele irá apoiar no controle bancário e de contas, cuidar do fluxo de caixa, das cobranças, emissão de relatórios e de contas a pagar e receber, organização de documentos, realizar conciliação bancária, conferir os lançamentos de tarifas, pagamentos e créditos, efetuar a baixa no sistema, entre outros. 

Para que o profissional tenha um bom desempenho como Assistente Financeiro além da graduação ou curso técnico, é essencial que possua domínio da matemática básica e financeira, ferramentas de informática, além de ser proativo, organizado, paciente, ter espírito de liderança, saber gerir crises, ser concentrado e saber trabalhar em equipe.

De acordo com o site Vagas, a média salarial para esse cargo é de R$ 1.594,00 e pode vir a ganhar até R$ 2.411,00. A média salarial para Assistente Financeiro no Brasil é de R$ 1.926,00. Lembrando que isso pode variar para o porte da empresa e localização geográfica. 

Analista Financeiro

O Analista Financeiro planeja, gere e analisa os recursos financeiros de uma empresa. É seu papel garantir a rentabilidade nas contas e investimentos, bem como ficar de olho nos gastos e ver os recursos disponíveis. Ele ainda pode ser responsável pelos balanços, negociações, pagamento de contas e de impostos. 

Já na área de gestão, o analista financeiro faz relatórios e analisa as despesas, buscando sempre maior rentabilidade do capital investido da empresa. Em seu dia a dia, pode assumir atividades como:

  • Contas a pagar e receber;
  • Conciliação bancária;
  • Conferência de boletos e notas fiscais;
  • Fluxo de caixa;
  • Análise de faturamento;
  • Controles de custos e etc.

Além disso, o seu papel de analista financeiro pode ser bem diferente dependendo de onde ele trabalha. Por exemplo, em um banco de investimentos, ele estará muito mais focado na área de negócios e fusões do que aquele que trabalha para uma companhia de seguros. A média salarial paga no Brasil para um analista é de R$ 3.096,00. 

Supervisor Financeiro

O supervisor financeiro é responsável por coordenar diversas atividades financeiras da empresa. Ele desempenha um papel fundamental no controle e acompanhamento das finanças, garantindo a saúde financeira da organização.

Entre as principais funções estão o planejamento e controle financeiro, a avaliação de resultados e a análise de custos. O supervisor também é responsável por elaborar relatórios, como o balanço patrimonial, a demonstração de resultados e o fluxo de caixa.

Além disso, o supervisor financeiro é responsável por garantir que a empresa esteja cumprindo todas as obrigações fiscais e tributárias, além de auxiliar na gestão do departamento de contas a pagar e receber. Ele também pode ser responsável por tomar decisões estratégicas relacionadas aos investimentos da empresa.

No cargo de Supervisor Financeiro se inicia ganhando R$ 2.949,00 de salário e pode vir a ganhar até R$ 5.548,00. A média salarial para Supervisor Financeiro no Brasil é de R$ 4.027,00. 

Gerente Financeiro

O gerente financeiro é o responsável por garantir a saúde financeira de uma empresa. Ele é o cérebro por trás do sucesso com os resultados no curto e longo prazo, trabalhando para garantir que as contas da empresa estejam em ordem. 

Bons gerentes financeiros são capazes de supervisionar todas as operações relacionadas às finanças da empresa, incluindo gestão do orçamento, investimentos, empréstimos e financiamento. Também são os responsáveis por fazer projeções financeiras e estratégias para melhorar o desempenho financeiro da empresa.

Além disso, devem estar sempre atualizados sobre as leis e os regulamentos governamentais, pois isso garante que a empresa esteja cumprindo todas as obrigações fiscais e regulatórias. Dentre as suas atribuições estão:

  • Análise de mercado externo;
  • Análise interna de fluxo de caixa;
  • Controle diário de orçamento;
  • Planejamento orçamentário;
  • Comunicação interna dos resultados.

A faixa salarial do Gerente Financeiro fica entre R$ 3.679,50 salário mediana da pesquisa e o teto salarial de R$ 19.254,21, sendo que R$ 6.663,42 é a média do piso salarial 2024 de acordos coletivos levando em conta profissionais em regime CLT de todo o Brasil.

Dicas para ter sucesso na carreira de financeiro 

Ingressar e progredir no setor financeiro exige não apenas uma compreensão profunda dos conceitos financeiros, mas também uma abordagem estratégica e habilidades específicas. Vamos trazer algumas  dicas para impulsionar sua carreira. 

Considere investir em cursos avançados, como pós-graduações em finanças, contabilidade ou até mesmo um MBA. Certificações reconhecidas, como CFA (Chartered Financial Analyst) ou CPA (Certified Public Accountant), são selos de qualidade altamente valorizados.

Contudo, não basta apenas entender os conceitos; a aplicação prática é fundamental. Desenvolver habilidades analíticas, incluindo proficiência em ferramentas como Excel, Power BI, SQL e linguagens de programação como Python, proporciona uma vantagem competitiva significativa em um ambiente cada vez mais orientado por dados.

A tecnologia desempenha um papel crucial no cenário financeiro atual. Fintech, automação de processos e blockchain são termos que permeiam a indústria. Manter-se atualizado com as últimas tendências e desenvolver habilidades nessas áreas pode abrir novas portas e garantir relevância profissional a longo prazo.

Networking é uma ferramenta poderosa. Participar de eventos do setor, conferências e construir uma presença online profissional pode ampliar sua rede de contatos. Relacionamentos sólidos não apenas oferecem oportunidades de aprendizado, mas também podem ser portas para novas oportunidades de carreira.

As habilidades interpessoais não podem ser subestimadas. Boa comunicação, trabalho em equipe eficaz e habilidades de liderança são tão importantes quanto o conhecimento técnico. Afinal, a capacidade de colaborar e liderar equipes é frequentemente um diferencial em cargos de gestão.

Por fim, desenvolva uma estratégia de carreira clara. Estabeleça metas de curto e longo prazo, identificando os passos necessários para alcançá-las. Reavalie suas metas periodicamente, ajustando-as conforme seu desenvolvimento e as mudanças no ambiente de trabalho.

Lembre-se, o sucesso no setor financeiro é uma jornada contínua de aprendizado e crescimento. Mantenha-se atualizado, comprometido e preparado para enfrentar os desafios que o mundo financeiro pode apresentar.